Mês: julho 2015

Notícia: Pastor Cleiton Collins quer acabar com Open Bar

Cleiton_Collins_10-805x503O pastor e membro da bancada evangélica da Assembleia Legislativa de Pernambuco, o Deputado Cleiton Collins, do Partido Progressista, quer emplacar um projeto de lei que coloca uma série de restrições a festas rave de música eletrônica no Estado. Na proposta, os organizadores teriam que respeitar 23 medidas para poder realizar os eventos.

Entre as imposições mais polêmicas, está a comprovação da existência de equipamentos para teste de uso de drogas e que a festa, dure no máximo, 10 horas. O artigo 5º do projeto estipula que aqueles que desrespeitarem as regras estão sujeitos a multas que variam de R$ 20 mil a R$ 50 mil, podendo o valor dobrar em caso de reincidências.

O pastor, que antes de se converter à religião, trabalhou como DJ, sendo conhecido por DJ Banana, também pretende proibir a realização de festas com consumo livre de álcool, conhecidas como Open Bar, não só em raves, mas em qualquer tipo de festa.

O assunto ainda vai ser alvo de discussão, mas o Deputado Progressista justificou a proposta com recentes casos de jovens que morreram por ingestão excessiva de álcool em festas open bar.

Com relação ao Projeto de Lei nº 40 de 2015, que dispõe sobre as raves, produtores das festa contestam outras exigências do texto como a apresentação da Declaração do Imposto de Renda e a justificativa de onde vem a verba dos eventos. Os organizadores dizem que as medidas passam da questão de segurança, para presunções de que as verbas e a produção estão em situação ilegal. O projeto de autoria do Deputado Pastor Cleiton Collins já foi analisado pela Comissão de Desenvolvimento Econômico da casa e segue em discussão interna.

Confira, na íntegra, a reportagem de Denny Faria (CBN)